Translate

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

PERSPECTIVAS DO TURISMO 2017

Dois mil e dezessete chegou, um ano que trás consigo uma grande responsabilidade de mudar o panorama difícil que foi o ano passado. Dificuldade foi marcado em todos os aspectos, econômicos principalmente, e levando em consideração a nação brasileira, o campo politico não foi um dos melhores. Mas a certeza é que, espera-se que este ano possa-se alcançar um resultado animador, é isso que se espera.
Falando em coisa animadora, a Organização Mundial do Turismo (OMT), publicou que, o turismo mundial cresceu 4% em 2016 apesar das várias noticias sobre atentados em países tidos como grandes atrativos turísticos.
O número de turistas viajando pelo mundo em 2016 foi cerca de 1,235 bilhão, segundo o relatório 46 milhões a mais do que o ano anterior. Este resultado é animador a medida em que é o sétimo ano consecutivo de crescimento desde 2009, após a crise financeira mundial.

Um dado importante nesta publicação é destinado para a América do Sul, que teve um aumento no turismo de 6,3%, aos poucos países desta região começam a chamar a atenção de povos de outros continentes.
Segundo o secretário-geral da OMT, Taleb Rifai, o turismo teve uma força muito grande, tendo resistência aos rumores de terrorismo em várias regiões, não deixando isso prejudicar o resultado animador agariado este ano.
Só por conhecimento, a  região mais visitada, com 620 milhões de turistas foi a Europa, mesmo com os temores pela segurança em alguns países europeus.
Para 2017, os números são otimistas, futuramente a OMT, atualizará a lista dos países mais visitados em 2016, mas em relação aos dados de 2015, a organização afirma que o país número 1 mais visitados foi a França, ficando em 2 lugar os Estados Unidos e Espanha, não haverá muita mudança neste ranking, segundo estimativas da OMT.
Segundo pesquisas, o Irã teve um salto muito grande no número de turistas em 2016, sendo escolhido o destino favorito. Peritos da indústria, selecionaram o Irã entre os destinos mais almejados do mundo.

Um site Belga La Livre identificou o país persa como um dos países que tem uma grande quantidade de atrações turísticas, confirmado também em publicações especializadas no ramo como a National Geographic, Lonely Planet e Afar.
O relatório aponta 19 pontos turísticos especiais que tem cadastro na lista do Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). Os bons resultados, foram obtidos graças ao acordo histórico obtido em julho com a retirada de partes das sanções econômicas e estas medidas tem levado empresários internacionais e líderes empresariais, a buscarem novas oportunidades de negócios em um país que possui quase 80 milhões de pessoas.
As autoridades iranianas ligadas ao turismo, tem a certeza que as metas de crescimento serão alcançadas passando de cinco milhões de turistas em 2014 para mais de 20 milhões em 2025. Outro fato interessante nesta história é em relação ao Grupo de Hotéis Accor francês o qual tem investido muito dinheiro no país, pois este possui em media 1500 hotéis mas estes não são suficientes para receber o numero crescente de estrangeiros que visitaram a nação persa futuramente.
A estrutura hoteleira do Irã tendo em vista este crescimento repentino necessita desenvolver a construção de novos hotéis, e o grupo Frances assinou acordo, para a construção de dois grandes hotéis próximos ao Aeroporto Internacional Imam Khomeini em Teerã. Segundo autoridades iranianas o país planeja gerar até US $ 30 bilhões em receitas anuais do turismo em 2025.
Deve-se mencionar que a facilidade de emissão do visto nos aeroportos do Irã, também tem contribuído a visita de muitas pessoas com diferentes nacionalidades.
Autoridades iranianas dizem que o país planeja gerar até US $ 30 bilhões em receitas anuais do turismo em 2025.

Nenhum comentário:

Postar um comentário